Indizível

Minha prática sonora como Indizível se dá em torno de encontrar processos subjetivos, técnicos e emocionais, que sustentam improvisos buscando algo como transcendência pelo foco nas ondas. A orientação precisa e verbal tem sido evitada, embora haja uma mistura de lógica e intuição que guia as escolhas e construção dos processos. Os discos anteriores (brnrhd e Acidtrip – Sattvaland Recs) são registros quase crus de 1 ou 2 faixas, o primeiro ao vivo em 2017 e o segundo numa sessão caseira. Agora apresento um apanhado de gravações dos últimos anos explorando diferentes tipos de síntese, amostragem e processamento, digitais e analógicos, grande parte com instrumentos que criei ou modifiquei com programação e eletrônica. Pela primeira vez realizei uma seleção e tratamento mais atento do material, e acho que valeu a pena. Com a masterização redonda do Alexandre Marino e capa transparente do Rafael De Marchi, o trabalho foi fechado e aberto da melhor forma. Obrigado pelo espaço e escuta.

Álbum lançado pelo netlabel Al Revés em maio de 2020.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: